Saudade solidão e tesão

07/06/2020

O Covid-19 é avassalador e estamos nos protegendo ao máximo para evitar o contágio, por isso muitos de nós estamos em distanciamento social. Acontece que o tempo passa, a quarentena já passou por umas mil fases e estamos há algum tempo sem interagir com as pessoas que amamos pessoalmente. Neste cenário saudade, solidão e tesão se apresentam como os cavaleiros do pré adoecimento psicológico, e como tem dito os psiquiatras precisamos estar muito atentos ao nível de estresse que fatores como estes apresentam, porque esse acúmulo de sentimentos pode sim estar se encaminhando para uma segunda pandemia mundial, dessa vez de doenças psicológicas e suicídios.

Pensando em tudo isso vim aqui compartilhar dicas rápidas para quem está com algum desses 3 problemas! Se cuidem!

Saudade: Se mantenha conectado com as pessoas que você ama! Se comunique o máximo que você conseguir. Sentiu a falta de alguém? Conta! Envia uma mensagem no whats, um direct, manda um áudio, manda um e-mail, conte como foi o seu dia(mesmo sendo tudo igual). Se você puder tomar essa iniciativa, isso pode ser um grande alívio para você.

Solidão: Tente fazer as coisas que você gosta e entrar em contato com seus sentimentos negativos de forma leve, sem ignorá-los. Para quem se sente solitário essa quarentena deve ser vivida um dia de cada vez, cada momento de bem estar que você conseguir proporcionar para você mesmo (a) vale. Como uma comida que você gosta para o jantar ou poder retomar um hobbie abandonado.

Tesão: Essa vai para os apaixonados! Nunca antes foi tão difícil viver um romance como nesta pandemia... minha sugestão é de que primeiro você entenda as proporções do nosso contexto, e que depois junto com seu amado/amada possa encontrar formas de manter essa chama acesa. Nossa sexualidade é uma parte importante do desenvolvimento e não precisa ficar paralisada, existem formas saudáveis de explorar suas potências mesmo à distância.